Carregar Eventos

« All Eventos

  • Este evento já decorreu.

Encontros de Ecologia – Especialização em Permacultura – Florestas Comestíveis

Junho 18, 2016 @ 10:00 am - Junho 19, 2016 @ 5:30 pm

€50

10h – 13h
14:30h – 17:30h
(Total 12 horas)

Increver-me

Informações: cursos@prama.pt

Almoço – Opção de refeição vegetariana
Parte Prática em Quinta no Paúl (Ananda Kalyani)

A floresta de alimentos em permacultura é um sistema de produção que utiliza a sabedoria inerente e milenar das florestas naturais pela nossa compreensão das relações benéficas que existem entre plantas e também outros organismos vivos, para criar e alimentar ecossistemas que cultivam alimentos para uso humano. Este método também é chamado floresta comestível, e jardins de design completo. Nos trópicos, as florestas de alimentos têm sido utilizados há mais de 1.000 anos. 

O que um Jardim Floresta Comestível?

É a arte e a ciência de colocar plantas juntas em grupos de plantas com padrões semelhantes, originando relacionamentos mutuamente benéficos, criando um ecossistema jardim que é mais do que a soma de suas partes. Podem crescer frutas, frutos secos, vegetais, ervas, cogumelos, outras plantas úteis, e animais de uma maneira que imitam os ecossistemas naturais. Poderá criar um belo e diversificado jardim de alto rendimento. Se projetado com cuidado e compreensão profunda da função do ecossistema, poderá também criar um jardim que é em grande parte faz a sua própria manutenção.

Visão de uma Floresta Comestível

Imagine-se numa floresta onde quase tudo ao seu redor é comida. Se olhar com cuidado, poderá ver frutos -pêras, maçãs, romãs, pecans e castanhas. Também há arbustos a preencher os espaços vazios. Eles carregam framboesas, mirtilos, groselhas, avelãs e outras frutas menos conhecidas, flores e frutos de casca rija em diferentes épocas do ano. Flores silvestres variadas, nativas, comestíveis e selvagens, ervas e legumes perenes cobrindo o chão. Muitas destas plantas são usadas para alimentos e medicamentos. Algumas atraem insetos benéficos, pássaros e borboletas. Outras agem como construtores do solo, ou simplesmente ajudam a manter as ervas, ditas daninhas. Aqui e ali, videiras sobem pelas árvores ou arbustos, ou aparecem ramos de fruta pendurada como kiwis, uvas e maracujá. Em clareiras ensolaradas grandes povoamentos de Topinambos crescem junto com as videiras. Estas plantas apoiam umas às outras, armazenando energia nas suas raízes para a colheita mais tarde e armazenamento no inverno. As flores coloridas brilham desfrutando do calor radiante do céu. Este é um jardim floresta comestível.

FORMADOR:
Arqtº João Jorge
Com um espírito autodidacta, desde cedo explorou campos como a botânica,arquitectura e a organização social, sempre com o objectivo de compreeder os processos vitais que regem os vários campos das ciências humanas e encontrar o ponto onde todas elas convergem.

Arquitecto – Universidade Técnica de Lisboa
Permacultor – The Permaculture Institute – Austrália com Bill Mollison e Geoff Lawton
BioNeuroEmoción CP1 e CP2 – Instituto Español de BioNeuroEmoción – Barcelona com Enric Corbera Instituto

***

Preços:
Normal: 50€

Descontos:
Cooperantes Coolabora;
Associados CASAS;
Estudantes;
Situação de desemprego:
35€

Increver-me

Detalhes

Início:
Junho 18, 2016 @ 10:00 am
Fim:
Junho 19, 2016 @ 5:30 pm
Preço:
€50

Organizador

Prama Academy

Local

CooLabora CRL
Rua dos Combatentes da Grande Guerra, 62
Covilhã, 6200-020 Portugal
Site:
www.coolabora.pt